quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

CATOLICISMO POPULAR















Esse catolicismo é difundido pelo povo. Difere do Catolicismo tradicional, que é o catolicismo ensinado pelo clero. O Catolicismo popular é um desgaste do já desgastado Catolicismo tradicional, pois o povo leigo associa os dogmas Católicos às suas crenças e costumes, tornando pior ainda o afastamento da ortodoxia bíblica.

Podemos observar que o Catolicismo do povo é intocável, nem o papa tem autoridade sobre o movimento, a igreja tenta de maneira amistosa e muitas vezes conivente relevar as absurdas colocações do povo aos dogmas da própria igreja.

A palavra “dogma” é um princípio de fé indiscutível da igreja. Estabelecido, como veremos a seguir, pelos concílios papais séculos depois dos apóstolos e dos pais da igreja. Ou seja, são doutrinas fora da Bíblia sancionadas pelos Papas baseando-se no pressuposto de que há autoridade apostólica neles investida. O pior é que estas doutrinas extras canônicas transformam-se em verdadeiras heresias no entendimento e desenvolvimento popular. Vejamos abaixo alguns dos principais dogmas estabelecidos pelos Papas ao longo da história e que foram desenvolvidos e assimilados pelo povo: